Já tinha falado aqui sobre as bases cushion, a nova tendência de maquilhagem vinda da Ásia. As bases cushion foram criadas para facilitar o nosso dia-a-dia e a The Body Shop sempre atenta às tendências não poderia ficar de fora!

Fui conhecer esta base e outras novidades da marca no início de Julho por isso já a utilizei o suficiente para poder fazer uma review mais detalhada.

base cushion the body shop

Textura:

Apesar da base estar inserida na “almofada”, consegue-se perceber que a textura é bastante fluída, mais “aguada” que as bases liquidas convencionais.

É bastante fresca, ao aplicarmos na pele sentimos mesmo uma frescura da base, o que é óptimo agora no verão, segundo a marca após aplicada a nossa pele desce um grau de temperatura.

basecushion

Cobertura:

Uma cobertura leve faz parte do conceito das bases cushion e a da The Body Shop não é excepção! No entanto aplicada com um pincel de base de topo achatado a cobertura fica um pouco melhor. Claro que isto foge um pouco do objectivo destas bases que é justamente a sua aplicação prática com a esponja que a embalagem trás, mas caso haja algum dia que precises de um pouco mais cobertura, aplicar com um pincel flat top pode ser a solução ideal.

Acabamento:

O seu acabamento é bastante natural também. Não fica nem mate, nem com brilho, parece que não temos base aplicada no rosto.

Caso tenhas a pele muito oleosa vais sem dúvida necessitar de aplicar um pouco de pó.

Durabilidade:

Apesar de passado pouco tempo já ter a testa brilhante devido à oleosidade da minha pele em conjunto com o calor, ela aguenta-se praticamente o dia todo. Notei que teve uma melhor durabilidade aplicada com o pincel do que com a esponja.

Outras propriedades da base:

Contém FPS25, o que é bom para o dia-a-dia, mas no meu caso nestes dias mais solarengos não dispenso o meu FPS50.

Contém aloé vera para hidratar e calmar a pele.

Preço: 26€

Opinião final:

Opinião final:

Tenho gostado muito desta base para estes dias quentes. É super confortável, e como ando ultimamente com a pele mais sensível devido a uns cremes para os acne que tenho estado a usar nos últimos 2 meses, é sem dúvida a base mais confortável para mim neste momento. Gostava que tivesse um pouco de mais cobertura, mas resolvo essa questão com o uso do pincel, entendo que o objectivo deste tipo de base é mesmo ter uma cobertura leve, de modos que não é um ponto negativo desta base.

Meninas e meninos com a pele muito oleosa necessitam sem dúvida de aplicar pó matificante.

Espero que tenhas gostado da review e não te esqueças de comentar 🙂

Autor

Write A Comment

Este site usa  Cookies para te dar uma melhor experiência. Aceita clicando no botão "Aceitar".

Para mais informações sobre os Cookies que usamos consulta Política de Cookies

Para gerir as permissões de Cookies clica aqui.